Notícias
Notícia:





Agricultura
01/10/2018
Tamanho da letra   




Governo municipal paga 3º Cheque do Leite e assina termos com Clubes de Mães e Associações de Máquinas; benefícios ultrapassam os R$ 240 mil




banner

Em evento realizado na tarde de sábado (29) na Arena Albano Luiz Menegatti, no Centro de Eventos Governador Luiz Henrique da Silveira, o governo municipal de São Lourenço do Oeste realizou o 3º pagamento do Programa Cheque do Leite e assinou termos com 42 Clubes de Mães e com sete Associações de Máquinas, através do programa Comunidade Forte. A tarde teve ainda show de Badin – O Colono, que divertiu as mais de 500 pessoas presentes. A ação foi uma parceria da Secretaria de Agricultura e da Secretaria de Assistência Social.

O 3º pagamento do Programa Cheque do Leite beneficiou 96 produtores que, juntos, receberam mais de R$ 80 mil. O último pagamento será realizado em novembro deste ano, quando cerca de 500 produtores terão recebido o bônus fiscal, ultrapassando os R$ 390 mil em recursos.

Já a assinatura dos termos beneficiará 42 Clubes de Mães com R$ 2 mil cada, totalizando R$ 84 mil. Os recursos poderão ser aplicados para fomentar o artesanato realizado pelas participantes. Quanto as Associações de Máquinas, seis delas vão receber R$ 10 mil cada, enquanto que a Associação de Máquinas da Comunidade de São João, São Caetano, Santa Clara, parte de Taquari e parte de São Miguel receberá R$ 20 mil. A mesma é responsável pelo kit fenação, entregue ao município pela Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca em maio de 2017, e faz o agendamento com as demais associações.

A administração municipal fará agora a publicação dos termos e terá até o dia 9 de novembro para fazer os pagamentos. Os Clubes de Mães e Associações de Máquinas beneficiados terão até o dia 31 de dezembro para fazer a prestação de contas.

O prefeito de São Lourenço do Oeste, Rafael Caleffi, falou que o Cheque do Leite é um programa que veio para apoiar o homem do campo e incentivá-lo a investir dentro da sua propriedade. “Os recursos que o agricultor recebe são investidos no comércio do município, aquecendo também a economia local”, acrescenta.

Sobre o Programa Comunidade Forte, Caleffi enaltece o trabalho de toda a equipe da prefeitura, que tem conseguindo encontrar caminhos para que as entidades sejam beneficiadas. Reconhece também o esforço da Câmara Municipal, que tem aprovado os projetos do Executivo e fazendo com que as comunidades fiquem cada vez mais fortes.


Data de publicação: 01/10/2018

Fonte: Assessoria de Comunicação




Veja mais fotos desta notícia


bannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbannerbanner



COMPARTILHAR:





  VOLTAR